Os Três Segredos para um Programa de Gift Card de Sucesso: Venda em Loja

Existe coisa melhor do que você poder escolher seu próprio presente? Ou ainda, quando é você que irá presentear, dar essa alternativa à pessoa de decidir pelo que quer e assim deixá-la satisfeita?

Questionamos isso pois presentear pode parecer um desafio para muitas pessoas – mesmo havendo boas intenções e condições financeiras para gastar, a dúvida no presente pode significar uma oportunidade perdida, tanto para o cliente quanto para a empresa.

Sendo uma ótima alternativa em situações como essa, a ideia de utilizar cartões-presente – os famosos “gift cards” – é algo que está conquistando cada vez mais espaço no Brasil no momento em que agrada ambos os lados, ou seja, quem vende e quem compra. Apesar desse modelo já estar consolidado em outros países, principalmente nos Estados Unidos, por aqui os varejistas que estão aproveitando essa oportunidade saem à frente devido ao mundo de possibilidades e benefícios trazidos por essa prática – e não é preciso ir muito longe para se dar conta disso!

Vantagens do Gift Card

Além disso, as vantagens para a loja ou marca que são inteligentes em aderir a essa estratégia são inúmeras, tornando um benefício consequente de outro como em um efeito dominó – cheio de resultados que impactam positivamente a cadeia! Por exemplo, no momento em que o seu negócio oferece a possibilidade de cartão-presente, isso gera a atração de novos clientes, que por consequência eleva as vendas, tem a chance de aumentar o ticket médio e por fim gera a possibilidade de fidelização do consumidor.

A boa notícia é que, se tem uma palavra que define bem o cartão-presente é: VERSATILIDADE. Podendo ser utilizado na versão física ou virtual e sendo comercializado para atrair clientes ou ainda oferecendo a chance de ser usado para presentear colaboradores, o gift card ganha destaque por aliar o “mundo de possibilidades” que falamos acima com a praticidade e conforto que são ofertados ao cliente. Sem contar que, além de gerar upsell (compras acima do valor presenteado), conforme citamos anteriormente, o cartão-presente gera resíduo, ou seja, o valor que não é gasto vence e volta para a empresa.

Gift Card é um bom negócio mesmo?

Como um bom profissional do seu segmento, independente da sua área de atuação, você ainda pode estar pensando “mas será que o gift card é um bom negócio mesmo?”, “como posso ter certeza de que ele irá me dar retorno e como utilizá-lo?”.

Nada melhor do que lançar dados para confirmar isso: o gift card representa hoje de 1 a 3% do faturamento das redes que trabalham bem o produto, gerando uma nova receita para o fluxo de caixa da empresa. Ou seja, o cartão-presente tem tudo para dar certo se for bem pensado e executado, trazendo um leque de benefícios aos empreendimentos que são ágeis em entender sua necessidade e praticá-la.

Agora que pincelamos as vantagens e os motivos para que o cartão-presente seja utilizado, não podemos esquecer de algumas orientações que são indispensáveis para que o seu programa de gift card triunfe com êxito. Afinal, existe um investimento por trás disso e é preciso atenção ao colocar essa ideia para funcionar. Nesta série de publicações, vamos falar sobre os 3 principais canais de venda que juntos fazem o sucesso do programa de gift card. Vamos lá?

Primeiro Segredo para um Programa de Gift Card de Sucesso: Venda e Resgate em Loja

Neste primeiro conteúdo, vamos explorar o canal que mais vem a mente do consumidor: Venda e resgate em loja física. Esse foi o primeiro canal de venda a implantar um programa de gift card, o que ainda representa a grande força do consumo de cartões-presente.

Se o seu negócio possui um PDV, independentemente do nicho em que esteja inserido, existem ações pensadas e executadas estrategicamente que dão todo o sentido para que a usabilidade do gift card em sua loja seja comemorada com sucesso. Partindo da nossa premissa, de que “Presentear, premiar e reembolsar tem que ser simples e incrível”, é preciso que essa prática caminhe de mãos dadas com as táticas que apontaremos seguir, tornando realidade as vantagens de um programa de gift card implantado para venda e resgate em loja:

1. Priorize o planejamento

Como qualquer serviço novo a ser introduzido, é preciso atenção na forma como o cartão-presente será oferecido. Isso significa que a comercialização do gift card precisa ser compreendida e absorvida por toda a equipe envolvida com o novo modelo (veja o item abaixo!) Portanto, o primeiro passo é planejar bem como irá funcionar o fluxo financeiro e operacional do cartão, pontuando sua aplicabilidade e validade.

Um planejamento bem detalhado é o ponto de partida para um programa de gift card eficiente, ou seja, priorize suas estratégias! Isso irá fazer uma grande diferença quando seu cartão-presente começar a ser operado, atingindo com maior precisão seu público e alcançando resultados mais rapidamente.

2. Envolva e treine sua equipe

Conforme mencionamos acima, a preparação para colocar em prática seu cartão-presente envolve o treinamento da equipe que irá trabalhar nessa operação. Quem sabe até mesmo criando metas de vendas para seus funcionários? Considerando que essa ação a ser introduzida é algo novo em seu negócio, todo o time envolvido deve estar alinhado com os propósitos do gift card oferecido aos clientes.

Por exemplo, os vendedores da sua loja precisam ter pleno entendimento de como o cartão-presente irá funcionar e saber como agir com os consumidores, principalmente na hora de divulgá-lo e oferecê-lo às pessoas. Assim como os operadores de caixa devem ter êxito ao realizar tanto a transação quanto o resgate do cartão. Ou seja, todos da loja precisam estar por dentro para caprichar no atendimento e gerar um fluxo de vendas. Até porque vale lembrar que, em média, cada consumidor final tem 30% de gasto adicional, (upsell) ao trocar o cartão no qual foi presenteado. Resumindo: invista nessa estratégia treinando sua equipe!

3. Aposte em Datas Comemorativas

Não é novidade que as vendas em datas comemorativas aumentam, e isso é um ótimo apelo para você aliar ao seu programa de gift card. Natal, Dia das Mães, Dia dos Pais e Dia das Crianças são apenas alguns exemplos de períodos que há pessoas querendo presentear outras – e é aí que o seu cartão entra em cena, sendo uma solução perfeita ao facilitar o compromisso de agradar o presenteado.

Com o cliente em sua loja, a divulgação do seu cartão como um presente para a data especial precisa ter total eficiência, para que assim o cliente se interesse pelo seu produto e tenha a sensação de dever cumprido ao presentear alguém importante. Essa é a melhor hora para criar motivos para que mais pessoas aproveitem essa solução e levem novos possíveis clientes para sua loja no momento em que o resgate do cartão é realizado.

4. Prepare Ações Exclusivas

Já pensou em criar opções de produtos/serviços adquiridos exclusivamente pelo gift card? Essa é mais uma ótima estratégia para estimular o uso do cartão, ao mesmo tempo em que essa ação pode ser executada levando em consideração a necessidade de giro de estoque da sua loja.

Nesse momento vale planejar um calendário de ações para colocar em prática, sem esquecer de monitorar os resultados trazidos por essas ações para adaptá-las conforme a necessidade do seu negócio e do seu público. É indicado que isso conste como uma das estratégias do seu planejamento desde o início, servindo de base para gerar mais alternativas de como operar seu cartão com maior êxito.

5. Aproveite o fluxo de pessoas em loja

Essa dica se relaciona com o treinamento da sua equipe, que explicamos no item 2. Na verdade uma influencia a outra, pois o fluxo de pessoas em sua loja irá exigir um bom atendimento e divulgação do gift card para que as vendas deslanchem, sendo uma isca para dar aquele gás nas ações planejadas para o cartão. Isso significa que é a hora de usar e abusar de estratégias que expõe a comercialização do cartão-presente, como por exemplo utilizar adesivos, displays dos cartões no caixas ou qualquer outra mídia que sinalize essa sugestão ao cliente.

Assim como o próprio desempenho da equipe irá impactar no movimento e comportamento dos clientes na sua loja, todas os outros estímulos que você der para ele dentro da loja podendo conduzir inclusive ao upsell, que explicamos lá em cima no mesmo item.

A hora é agora Enfim, essas são algumas das orientações que você precisa dar atenção para que a sua distribuição de cartões na sua loja funcione. O ponto de partida é ter a noção da necessidade que o cartão-presente tem em seu PDV e como ele pode impactar suas vendas, considerando que no momento que você investe nesse novo canal, uma nova receita está entrando para a sua empresa.

Colocando em prática as ações acima, o caminho está feito para que seu programa de gift card seja um sucesso na sua loja e traga excelentes resultados.

Fale com um consultor e tenha o seu próprio programa de gift card.

gregório rados

Co-founder da Todo Cartões, coordenador do Ciclo Empreendedor e cozinheiro nas horas vagas. Há 8 anos criando operações de Gift Cards e Listas de Presente com nossos clientes e aprendendo o que dá certo (e o que não dá)!

1 Comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.